Cooperativismo Catarinense

31 SIPAT

Cooperitaipu desenvolve a 31ª Semana de Prevenção de Acidentes de Trabalho

A Cooperativa Regional Itaipu, através a CIPA, que é a Comissão Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho da cooperativa, está realizando a 31ª SIPAT (Semana Interna de Prevenção de Acidentes do Trabalho). Abertura oficial aconteceu na segunda-feira (21/09) e reuniu os membros da comissão e os coordenadores das filiais.

Objetivo é conscientizar e prevenir os colaboradores sobre riscos de acidentes em suas jornadas laborais. Neste ano, devido a pandemia e as restrições para eventos com público, a estratégia da CIPA mudou. Foi formada uma equipe que estará passando filiais desenvolvendo ações de conscientização e prevenção.

Como em todos os anos, a SIPAT da Cooperitaipu inicia com o concurso que escolhe a frase que será o tema usado na edição de 2020. Três frases são premiadas. Em 3º lugar ficou a frase:

“Seu patrimônio é a vida, sua maior proteção é a prevenção”

– de Valmor Schwendler da Filial 15.

Em 2º lugar a frase:

“Uma vida segura vale mais que 1 milhão de seguro”

– de Madalena Volhanik da Filial

30. A frase campeã do concurso foi:

“Ato sem prevenção pode ser o fim da sua profissão”

– de Bruno Giachini da Filial 30.

Conforme o presidente da Cooperitaipu Arno Pandolfo, se cada colaborador ficar atento a suas rotinas de trabalho e também aos colegas próximos, muitos acidentes serão evitados, já que a grande maioria deles acontece por desatenção ou imprudência mesmo.

Marcelo Salvatori, presidente da CIPA da Matriz, comentou que a cooperativa possui uma grande diversidade de funções com graus de periculosidade diferentes. Desafios que vão desde os acidentes físicos até o desgaste psicológico e emocional dos colaboradores.

O responsável técnico para segurança no trabalho Marcos Schaff, destaca as consequências dos acidentes de trabalho para a cooperativa, que vão desde o impacto na produtividade, passando pelos custos salariais, multas, encargos e estabilidade provisória.

A psicóloga da Cooperitaipu, Cristiane Wickert, abordou a questão do autocuidado. Segundo ela, isso nada mais é do que a atenção que você dedica a si mesmo. É reconhecer nossas necessidades físicas, mentais e emocionais. Ansiedade é um dos principais indicativos de que algo pode não estar normal. Alguns sintomas são: dor no peito, tensão muscular, irritabilidade, preocupação em excesso, entre outras.

Avaliação de Bioimpedância

Uma das ações que já está sendo realizada pela comissão da CIPA nas filiais é a chamada Avaliação de Bioimpedância, feita individualmente e trata-se de um exame que, através de um aparelho, mede toda a composição corporal. É verificada a quantidade de massa magra, gordura e água na composição do organismo. A bioimpedância serve para fornecer dados precisos para a montagem do IMC (Índice de Massa Corporal) do indivíduo. Exame foi realizado pela nutricionista contratada Alessandra Simon Albani.

Segundo dados de 2018 do Ministério da Saude, 50% dos brasileiros está acima do peso e 20% dos adultos estão obesos. Conforme o técnico Marcos Schaff, com a Avaliação de Bioimpedância em mãos e, detectada alguma anomalia, o colaborador terá toda uma orientação e acompanhamento para melhorar de saúde.

Fonte: Comunicação Cooperitaipu

Leia as belas ações do Cooperativismo Catarinense!

Assine nossa newsletter!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.