Cooperativismo Catarinense

AMOR

Comunicar o amor entre pais e filhos foi tema de palestra especial do SESCOOP/SC

O mês de outubro é dedicado, entre outras coisas, às comemorações do Dia da Criança.

Falar da comunicação do amor entre as famílias e a influência na construção de relacionamentos saudáveis foi o tema da palestra on-line, promovida pelo Serviço Nacional de Aprendizagem do Cooperativismo do Estado de Santa Catarina (SESCOOP/SC), alusiva ao mês das crianças, realizada na última semana, com transmissão pelo canal do YouTube do Sistema OCESC.

Consultor em educação e estudioso do relacionamento humano, o palestrante Keivan Saberin, proporcionou uma reflexiva abordagem do tema, através de definições e exemplos do dia a dia. Nesse sentido, falou da necessidade de uma comunicação eficaz para que o amor seja sentindo e produza efeitos.

“Não importa quanto amamos uma pessoa, se não houver um veículo adequado que transmita este amor, então, é inútil”

, destacou.

Keivan ressaltou que, enquanto os adultos se apoiam muito na comunicação verbal, o código da criança é não-verbal. Ou seja, a criança interage com o ambiente ao seu redor e, por isso, a preocupação deve estar relacionada ao comportamento e atitudes dos pais, que inspiram as crianças. Amor incondicional, olhar amoroso, toque carinhoso, atenção concentrada e disciplina amorosa, foram os pilares da comunicação do amor entre pais e filhos apresentados por Keivan, que explanou sobre cada um.

O consultou falou ainda do excesso de “regras” impostas pelos pais que, algumas vezes, acabam confundindo a criança e/ou adolescente e não são eficazes.

“É preferível ter algumas regras com validade para todos os momentos, a ter muitas que se tornam inúteis e desnecessárias”

, disse.

Com os adolescentes, disse que tem que se estabelecer limites, buscar um diálogo e o despertar da consciência para refletir sobre atitudes e consequências.

“Filhos são reflexos do comportamento dos pais. Mudanças no comportamento dos pais tem reflexo no comportamento dos filhos”

, concluiu.

Texto: Assessoria de Comunicação Interna Sistema OCESC