Cooperativismo Catarinense

REALTA

INAUGURAÇÃO DA INDÚSTRIA DE PANIFICADOS REALTA

A direção da Cooperativa Regional Auriverde tem a satisfação de apresentar ao seu quadro social, funcional e comunidade, mais um projeto inovador, audacioso e estratégico. Trata-se da Indústria de Panificados Realta. A inauguração aconteceu no dia 22 de setembro de 2020 e este dia será marcado na história da Auriverde como o início de uma nova era e será para sempre lembrado com muito orgulho.

A Indústria de Panificados Realta marca um grande salto que a Auriverde dá rumo a produção de alimentos com alto valor agregado, pães, bolos, massas, congelados ou prontos para o consumo. Esses produtos atenderão as mais rigorosas exigências do mercado consumidor, gerando renda, emprego e produtos de qualidade reais.

Mas, a Indústria de Panificados Realta não é somente uma estratégia de negócio. A exemplo das fábricas de rações, dos supermercados, valorização de nossas marcas, representa também, a realização dos sonhos da Família Auriverde. Sonhos transformados em projetos sustentáveis.

A cerimônia de inauguração contou com a presença de grupo pequeno em função das restrições impostas pela pandemia do COVID-19, no entanto, um grupo bem representativo de quem é quadro social da Auriverde. Estavam presentes além da direção, o conselho de administração, o conselho fiscal, efetivo e suplente e o comitê educativo, composto por liderança representativa do quadro social da Auriverde de toda região oeste. Estavam presentes também colaboradores da Indústria Realta. A cerimônia contou também com a presença de autoridades e dirigentes cooperativistas.

Nos pronunciamentos foram ressaltados os méritos do projeto e o reconhecimento do da importância da Indústria de Panificados Realta para o fortalecimento da Auriverde. Vanderlei Arhlet, ressaltou a geração de emprego e renda para o município de Cunha Porã. Hermes Barbieri, presidente do Sicoob Credial, falou das origens da Credial dentro da Auriverde e o quanto é importante a presença das cooperativas nas comunidades. Samuel Thiesen falou da importância do trabalho árduo desenvolvido pelas cooperativas dos ramos agropecuário e de infraestrutura, trabalho esse que é coroado de sucesso após cinco décadas.

Antes do corte oficial da fita, o presidente Claudio Post falou com emoção do projeto e sobre tudo o que ele representa, especialmente o aspecto da agregação de valor à produção de alimentos, do quanto o mesmo ainda pode evoluir e as novas oportunidades que poderão se apresentar e especialmente a possibilidade de se ter na industrialização de massas uma nova cadeia produtiva no Sistema Aurora.

Vale ressaltar ainda que os presentes foram contemplados com um delicioso café no qual foram oferecidos os produtos que a Indústria de Panificados Realta está produzindo e aprovação pelos sabores e qualidade excelente. Brindemos o que há de melhor; brindemos a produção de alimentos de forma sustentável, brindemos a Auriverde e a Indústria de Panificados Realta.

 

Fonte: Comunicação Auriverde

Leia as belas ações do Cooperativismo Catarinense!

Assine nossa newsletter!