Cooperativismo Catarinense

Romeo Bet: um 2020

Romeo Bet: um 2020 com duas facetas

Medo para alguns, perda para outros, coragem para os profissionais da saúde, higienização para os trabalhadores, distanciamento social, avanço digital, enfim, 2020 ficou marcado por diferentes transformações e consequências da covid-19.

A face perversa do problema ceifou vidas, tolheu liberdades, acentuou divergências, gerou angústias e insegurança. A outra trouxe reflexões, novas formas de comunicação, de trabalhar, de organizar eventos, acelerou a inovação, valorizou o contato humano e nossa obrigação de sermos resilientes diante das adversidades.

O surgimento e a permanência do vírus, aliados à valorização do dólar, ampliaram o custo de vida dos consumidores, todavia contribuíram para melhorar a remuneração de quem se dedica continuamente à produção de cereais, leite e carnes. Embora nossa região tenha sofrido com pontuais estiagens e o acréscimo dos custos de produção decorrentes da variação cambial, em um ano de safra cheia, a produção de alimentos saiu fortalecida diante das oportunidades do mercado mundial.

Apesar de um período atípico, as operações da Cooperalfa proporcionaram excelentes resultados e superaram as expectativas. Só temos a agradecer. Tomamos os cuidados possíveis, orientamos as equipes, não nos deixamos abater pelas amarguras. Nossas vendas com mercadorias de consumo foram favorecidas, os volumes de fabricação industrial, negociações de grãos, recebimento pecuário e fornecimento de insumos bateram recordes.

Aliado a isso, não descuidamos dos gastos, das atividades de assistência técnica, das melhorias logísticas, da gestão do capital de giro, dos programas sociais executados de forma digital ou com a segurança necessária. Especialmente em um ano de muitas incertezas, o associado percebeu o diferencial da Cooperalfa com entregas de melhoria de estrutura nos municípios de Guaraciaba, Campo Erê, Palma Sola, Xanxerê, Anchieta, Três Arroios, transbordo de São Domingos e início de investimentos em nosso maior projeto de ampliação da capacidade industrial, na Linha Tomazelli, Chapecó.

Em 2021, com a eleição do novo Conselho de Administração, pretendemos dar continuidade aos projetos de melhoria da estrutura de gestão a exemplo da criação da área de marketing, continuar as obras da indústria de soja, rever orçamentos e determinar o tamanho do investimento na unidade de produção de leitões em Sidrolândia (MS). Pretendemos atender a outras demandas de nosso quadro social, ouvir sugestões e compartilhar ideias a respeito de novas gerações, transformação digital, sucessão, diversidade, recursos renováveis, futuro do cooperativismo e os planos da Cooperalfa para os próximos anos, temas que estarão presentes em nossa pauta administrativa.

Estamos cientes das oportunidades e do trabalho que nos espera, entretanto, também em 2020, sentimos que a Cooperalfa é o resultado da soma de um conjunto de bons propósitos dos associados, conselhos, gestores, parceiros e colaboradores, aos quais fica nossa gratidão.

Que a vacina anti-covid19 exerça sua função científica de proteção, e que o Estado promova as reformas necessárias, deixando de lado o antagonismo de ideias em favor do interesse coletivo, crescimento do País e redução do agudo desemprego urbano. Que 2021 seja inspirador, sem pânico, com prevenção e saúde a todos.

Romeo Bet
Presidente do Conselho de Administração da Cooperalfa. Dia 19 de fevereiro de 2021, em AGO Digital, assumiu o cargo novamente, dando início ao seu quarto mandato

Leia as belas ações do Cooperativismo Catarinense!

Assine nossa newsletter!